TOP
Novidades Reflexões

“REVOLTA E DECEPÇÃO!”

189 titt

Como já disse, desde sempre me neguei a falar sobre política, governo, partidos…

 

Mas está ficando impossível, porque tudo o que fazemos, vivemos, ou pretendemos fazer, depende muito disso. Aliás, somos seres políticos.

 

Mas a falta de segurança, o descaso com a saúde, a desconsideração com a educação está me revoltando tanto, que resolvi falar um pouquinho.

 

O descaso com itens básicos, como a saúde, é revoltante!

O descaso com direitos básicos, como a saúde, é revoltante!

 

Quando eu vejo o valor da negociação do Neymar Jr. (não tenho nada contra ele), o fanatismo das pessoas ao recebê-lo, fico pensando nos refugiados, nas crianças africanas morrendo de fome, nos hospitais brasileiros…

 

Quando leio sobre os milhões, bilhões desviados por nossos maravilhosos políticos, que se apegam ao poder como um náufrago a sua boia, perco um pouco da minha fé e esperança no ser humano.

 

Pensar nos bilhões desviados por nossos políticos é revoltante!

Pensar nos bilhões desviados por nossos políticos é revoltante!

 

Tento fazer meu pouquinho, colaborando com as instituições que considero sérias. Mas é tão pouco que essas instituições conseguem fazer.

 

Penso no futuro de nossas crianças que convivem com esses exemplos, e mais que tudo, com pais permissivos demais…

 

Será que sou só eu que estou perdendo a fé no ser humano?

 

Será que um dia teremos um país sem corrupção?

Será que um dia teremos um país sem corrupção?

 

Outro dia li uma reportagem sobre uma mãe criticando a TV por mostrar cenas de violência, de traficantes de drogas em uma novela, e que seu filho estava exposto a isso. Deus, quanta hipocrisia! Estamos expostos a isso no dia a dia, e onde está a autoridade dela pra proibir que o filho assista este tipo de programação?

 

Não sou ninguém pra julgar, mas não posso deixar de me revoltar.

 

Não há como deixar de se revoltar.

Não há como deixar de se revoltar.

 

Só me resta rezar pra que sejamos iluminados a fazer as escolhas certas. Desculpem-me pelo desabafo.

 

Abraços a todas.

 

Comente com o Facebook

Tags:       

«
»