TOP
Bem-estar Moda e Beleza

“Beleza aos 50: como prevenir as temidas estrias!”

15 (4)

Hoje vamos falar de um problema que incomoda muitas mulheres: as temidas estrias! Trata-se de algo que, infelizmente, faz parte da vida de quase toda mulher, inclusive as maduras. Mas, com alguns cuidados, as estrias podem ser prevenidas, no caso das que não têm, e tratadas pelas que já apresentam sintomas. Quer saber como evitar e combater aquelas desagradáveis estrias? Então vem com a gente!

 

Estrias são rupturas das fibras de colágeno e elastina, que dão elasticidade à pele.

Estrias são rupturas das fibras de colágeno e elastina, que dão elasticidade à pele.

 

Primeiro, informações básicas. A estria surge quando a pele é esticada além do limite. No início, são linhas vermelhas, que ficam brancas depois de algum tempo. Normalmente, aparecem nas coxas, glúteos, seios e abdômen, quando há uma distensão muito grande nessas regiões. As estrias vermelhas, novas, são mais fáceis de tratar. Já as brancas, mais antigas, exigem um tratamento mais minucioso para eliminar aquele aspecto de cicatriz.

 

As estrias vermelhas, novas, são mais fáceis de tratar.

As estrias vermelhas, novas, são mais fáceis de tratar.

 

Dito isso, vamos à prevenção! A maior causa do aparecimento das estrias é a variação de peso. Por isso, a manutenção do peso corporal é o primeiro passo para evitá-las. Além de se manter em dia com a balança, evitando o temido efeito sanfona, a melhor forma de evitar as estrias é hidratar a pele. Alguns cremes específicos, com colágeno e elastina na composição, deixam a pele mais elástica e também tornam as marcas menos aparentes.

 

Com o tempo, as estrias ficam brancas e exigem um tratamento mais elaborado.

Com o tempo, as estrias ficam brancas e exigem um tratamento mais elaborado.

 

Mas e quem já tem estrias em um estágio mais avançado?! Saiba que existem diversos tratamentos para eliminá-las. Antes de qualquer procedimento, é necessário o diagnóstico de um dermatologista, já que os casos variam de pessoa para pessoa.

 

Um dos tratamentos mais indicados é a aplicação externa de ácido retinoico ou ácido glicólico, em conjunto com o creme hidratante. A indicação é que eles sejam passados diretamente e estritamente nas estrias.

 

A simples aplicação de creme hidratante é uma das formas mais eficazes de tratamento das estrias.

A simples aplicação de creme hidratante é uma das formas mais eficazes de tratamento das estrias.

 

Outro procedimento usado é o laser fracionado, capaz de tratar as estrias vermelhas, mais recentes, e também as antigas. Ele age estimulando a produção de colágeno e elastina. Uma terceira opção é o tratamento com microagulhadas na pele, que estimulam a produção de substâncias, entre elas o colágeno, que refazem as fibras rompidas.

 

Aplicação de laser fracionado estimula a produção de colágeno e elastina.

Aplicação de laser fracionado estimula a produção de colágeno e elastina.

 

Estes são os procedimentos mais comuns para a eliminação das indesejáveis estrias. Mas, como já dissemos, cada caso é um caso e só um especialista saberá qual o melhor tratamento para você.

 

Nossa dica é: independente da terapia em si, faça-a em conjunto com outras atitudes saudáveis, como alimentação correta e exercícios físicos. Pois assim você terá resultados mais rápidos e manterá sua saúde em dia.

 

Consulte um dermatologista para saber o melhor tratamento para você. E realize-o em conjunto com atitudes saudáveis!

Consulte um dermatologista para saber o melhor tratamento para você. E realize-o em conjunto com atitudes saudáveis!

 

E você, cara leitora, sofre com as temidas estrias? Já tentou algo para eliminá-las? Deu resultado? Vamos compartilhar nossas experiências para ajudar as mulheres que sofrem deste desagradável problema!

Comente com o Facebook

Tags:     

«
»