TOP
Reflexões Relacionamento

“Casamento feliz aos 50 anos!”

63 (1)

Na semana passada, fizemos um post sobre namoro aos 50 anos, o qual dedicamos às nossas leitoras solteiras, separadas e viúvas. Hoje, vamos dedicar este texto às leitoras casadas, que mantém uma vida feliz a dois. A maioria dos casamentos entre pessoas na casa dos 50 anos é de longa data, mas também pode haver outros mais recentes, de quem escolheu se unir depois de certa idade.

 

Dedicamos este post às leitoras casadas, que mantém um relacionamento feliz e maduro!

Dedicamos este post às leitoras casadas, que mantém um relacionamento feliz e maduro!

 

Não importa o tempo, a duração, o relacionamento afetivo entre casais maduros é uma das coisas mais bonitas da vida. Mas, como em todo relacionamento, o casamento precisa ser constantemente “adubado”, para que se fortaleça e mantenha aquela “chama” sempre acesa.

 

Paciência é fundamental!

O casamento feliz aos 50 anos necessita de paciência recíproca! Se vocês estão juntos há muito tempo, sabem da importância de compreender o companheiro, de aceitar seus defeitos. Tudo isso passa pelo exercício de paciência. Sem ela, nenhum relacionamento se mantém firme após tantos anos.

 

A paciência é um dos segredos para uma união de vários anos.

A paciência é um dos segredos para uma união de longa data.

 

Companheirismo é o segredo da durabilidade!

Ninguém fica junto por vários anos se não houver companheirismo. Sejamos francas: depois de um longo período, o casal não faz sexo com a mesma frequência. Claro que a paixão carnal continua existindo e isso é fundamental. Mas, acima de tudo, queremos um companheiro. Alguém pra dormir e acordar juntos. Pra assistir a um filme. Pra ir a um restaurante. Para viajar. Resumindo, pra dividir os momentos simples e prazerosos da vida.

 

Curtir os momentos simples da vida é um dos segredos para um relacionamento duradouro.

Curtir os momentos simples da vida é um dos segredos para um relacionamento duradouro.

 

Preserve o valor da família!

Um casal, com ou sem filhos, é uma família, a instituição mais valiosa da nossa sociedade. Aos 50 anos, os filhos já podem ter deixado sua casa, mas continuarão as coisas mais importantes de um casamento. Se houver netos então, o sentimento fraterno se multiplica. Preserve sempre o valor da família. Reúnam-se com frequência. Visite e permita-se ser visitada. Estimule encontros familiares com filhos, noras, genros, netos e todos que semeiam a continuidade de um casamento feliz.

 

Promover encontros de família faz as raízes do casamento se manterem fortes.

Promover encontros de família faz as raízes do casamento se manterem fortes.

 

Cuide sempre um do outro!

Para finalizar, vamos tocar em um ponto mais delicado. À partir dos 50, a vitalidade não é mais a mesma. Esposa e marido tendem a adoecer com mais frequência, a necessitar de mais apoio. E este apoio deve vir primeiro do cônjuge. Aquela frase de quase todo casamento “na saúde e na doença”, embora batida, é real. Cuide de seu esposo como gostaria de ser cuidada. E, num casamento saudável, tenha certeza que ele fará o mesmo. Uma união feliz passa pelo zelo entre o casal. Valorize isso!

 

Cuidar um do outro faz a união se manter saudável!

Cuidar um do outro faz a união se manter saudável!

 

E você, cara leitora, é ou já foi casada? Há quanto tempo está neste relacionamento? Conte-nos seus segredos para um casamento feliz e duradouro!

 

Comente com o Facebook

Tags:      

«
»